19 de jul de 2009

Menopausa transviada

Roberto Carlos na década de 60. De 1860.
*
Sei que a minha opinião é polêmica, já estou até preparado para ouvir uma esculhambação. Mas Nelson Rodrigues já disse que toda a unanimidade é burra. Assim, eu tenho que admitir que ao contrário da imensa maioria da galera com quem eu convivo, dentro e fora da web, não consegui compartilhar de toda essa emoção do show do Roberto Carlos no Maracanã.
*
Pra começo de conversa, eu não gosto de shows no Maracanã. Aquilo ainda é um estádio de futebol e o que esses shows fazem com a grama deveria ser punido pela lei de crimes ambientais. Quem assistiu ao Flamengo x Palmeiras da quarta-feira seguinte, disputado em um estranho gramado quadriculado e colorido, vai entender o que eu estou dizendo.
*
Sem falar que poucas coisas podem ser tão ridículas quanto a tietagem descontrolada. Eu sempre olhei com absoluta desconfiança qualquer coisa que atraia um bando de adolescentes gritando e chorando, sejam boy bands ou a seleção de vôlei do Bernardinho. Só Deus sabe o que eu passei quando tive que levar minha sobrinha ao show daquela banda de irmãos de cabelinho engomado fabricada pela Disney (Jonas Brothers, eu acho). E, convenhamos, uma coisa que já fica ridícula com adolescentes, não vai ficar melhor com as avós delas. O show do Maracanã foi uma verdadeira celebração da menopausa, com direito a hordas de senhoras sexagenárias com os hormônios fora de controle.
*
Isso tudo pra não falar do artista em si. Eu acho que nunca dividi isso com vocês, mas o Roberto Carlos morreu para mim no dia 21 de Abril de 2007. A data, inesquecível, foi quando eu assisti aquele documentário sobre o Cartola, Música para os olhos. A certa altura do filme, o grande gênio que era o Cartola revela, todo humilde, que gostaria que um dia o Roberto Carlos gravasse uma música sua. O pedido nunca foi atendido. Mas o pior veio depois.
*
A razão para a negativa, revelada no mesmo filme, foi tão escrota que me deu vontade de arrancar a tal perna mecânica do Roberto e bater nele com ela. A música que a gravadora guardou para o RC gravar seria a imortal As Rosas não falam, que talvez seja a mais linda do Cartola. Roberto Carlos recusou a idéia de gravar a música alegando uma ridícula questão de princípios, pois pra ele as rosas falam, sim. O que eu sei é que se as rosas falassem mesmo, as roseiras que a patroa rega aqui em casa teriam mandado ele ir à merda.
*
Por essas e outras eu deixei o Robertão de lado, com o perdão da Cruela, que, apesar de ser fanzoca do Rei conta com o meu amor incondicional.
*

24 comentários:

Quem é tua Dona? disse...

Até que enfim alguém que me entende! Todo mundo me olhava torto quando eu dizia que o tempo do Roberto Carlos já passou, e mesmo assim, eu nunca gostei das músicas dele mesmo, coisa mais brega são as letras dele, ninguém merece!

Beijos,
Anita.

Aninha Leme disse...

Nossa
mandaria enfiar as rosas com todos os espinhos no fiofó dele. Inúmeras vezes.
Pelamor!
Detesto!!! Mas ainda assim, espero que ele não morra nunca, porque haja coração pra aguentar todos os especiais que farão sobre ele... eu não aguentaria a overdose!

beijos

Mauro Sérgio disse...

Quem o RC pensa que é para dar essa esnobada no Cartola? Fala sério...

Gabriela disse...

Eu concordo com vc, com a diferença de que nunca gostei mesmo dele.
Bjo, Bjo...

MateusDka disse...

ehhh... Ogro! Acho que tu acaba de fundar o clube "Morra Roberto Carlos"... essa do Cartola, até minha mãe que é fã dele, ficou doida! E talvez pelo fato dela ser fã, eu não sou, nem nunca gostei dele...

Nessas horas eu agradeço a Deus pelos filhos não herdarem genéticamente os gostos dos pais! ^^

Abç

Dama de Cinzas disse...

Ai ai Da Silva! Eu tenho muita vontade de te conhecer pessoalmente e um dia isso vai acabar acontecendo. Porque vc mescla o homem comum que gosta de futebol e cerveja, com outro homem que analisa muito bem as questões da vida. E eu gosto de pessoas multifacetadas. Odeio gente "uma coisa só".

Quanto ao Roberto, eu gosto dele, mas estou muito longe de ser uma fã, muito menos de pagar pra ir a um show dele. Na verdade gosto muito das músicas dele, as antigas, nas vozes femininas, especialmente Maria Bethania, dessa sim sou fã...

Não sabia do ocorrido com a música de Cartola, mas pense bem, quem perdeu foi o Roberto, que deixou de gravar uma música que vai ficar pra história. E outros cantores a interpretaram muito melhor...

Beijocas

Carol disse...

Adorei teu blog e compartilho da mesma opinião sobre o Roberto Carlos ,pra mim não é tudo isso, nem metade de tudo isso. Não creio que ele fez isso com o Cartola. Aff Maria, o mundo ta perdido.
Bjo

Desabafando disse...

gostei daqui...passei pra conhecer, mas vou te seguir tá?
se puder, passa pra dar uma espiadinha no meu blog?
desabafandoesonhando.blogspot.com
Boa semana!

Desarranjo Sintético disse...

Bom, eu não sou fã dele, mas acho que de qualquer forma ele é um bom cantor e merece respeito. Agora que a tietagem descontrolada, o estádio sendo pisoteado e essa de ele não gravar a música do Cartola (gravasse outra então!) são sem comentários...bom, até os ídolos tem essas facetas que são estranhas...ou seja, de realeza a mero humano...pelo menos as coisas voltaram a ser reais...

Abraços

Fábio.

Estava Perdida no Mar disse...

Nossa, sinta-se apoiado. Peguei raivinha do RC quando, certa vez, ouvi o Leão Lobo falar que não entendia como alguém ser Rei só governando para a GLOBO. Achei correto. Este cara não faz nada sem ter a Rede Globo pro trás. É Rei de Tony Ramos e Ivete Sangalo. Quero ver ele entrar numa favela para fazer um show. Ou se apresentar com ingressos baratos para as cafonas pobres conseguirem estar com ele.

Ah, q perda de tempo. Mas isso é muito coisa da cabeça medíocre dos brasileiros. O alarde que a mídia faz em torno da Xuxa é o mesmo.

Bertonie disse...

Eu num gosto muito da maneira tosca e menopausa, como você mesmo diz, dele cantar. Claro, gosto de suas letras e melodias, são lindas, eternas, marcam gerações lenga, lenga, blá, blá, blá.
Mas eu num vou mentir. Se alguém me desse um ingresso GRATUITAMENTE de uma mega-produção-show no Maracanã... I GO!
(E se o Roberto Carlos tentasse homenagear o Michael Jackson fazendo qualque passo de dança dele, eu teria algumas horas de gargalhadas intermináveis garantidas!)

Arthur Rotta disse...

O Robertão tem uma letras interessantes. MAs acho chatas a maioria das interpretações dele. Elas ficam boas mesmo na voz de outros.

No mais estou com a "Estava perdida no Mar". Tem mais. Tinha um pai de um amigo que costumava dizer que o "Rei" é "rei" pq nunca enfrentou os milicos. Imaginem se Chico, Gil, Bezerra, Mutantes, Geraldo Vandré seriam Reis? Quem os promoveria?

Na real o Robertão é aquele tipo de "malandro" que a direita gosta. Não incomodou na juventude. E depois de velho vira católico praticante. Lindo não?

J@de disse...

E eu pensando que ia chegar aqui e dizer: "então meu amigo, somos dois" e tem um monte concordando com vc!! hehehe!!
Eu curti a Jovem Guarda, mas nunca fui fanática por artista algum, e Roberto Carlos deixou simplesmente um dia qualquer deixou de me agradar.
Nem vi o show!!
Gostei do seu blog, vai pra minha listinha!!
Beijos!!

Jean Baptiste disse...

Tô com a Ana. Tomara que ele não morra tão cedo, o funerla vai levar uns três meses.

Essa do Cartola foi o fim da picada.

comme des habitudes disse...

O show do Maracanã foi uma verdadeira celebração da menopausa, com direito a hordas de senhoras sexagenárias com os hormônios fora de controle.


AAdoreiii o senso crítico! Parabens!!!!! desculpa a invasão.

leandro cardoso.

Mari S. disse...

Ei :)
Desculpe pelo atraso, pela demora de retribuir a visita, mas é que por aqui anda tudo meio acumulado, sabe?
Enfim, o post, como de costume, tá super-legal, viu? Gostei muito mesmo.
Volte Sempre :*

Melanie Brown disse...

E acho as letras que ele canta bem bacanas!Talvez ele esteja ficando com voz de velho, o que é bastante obvio.Tá o máximo o texto, meus parabéns.
Obrigada pelo comentario!!!
:D

o Cheff disse...

Meu caramba bixo.
Que planeta vive esse cara em não querer gravar Cartola.
Se não fosse tão metido, até poderia dizer que acredita que as rosas falam, e saia por cima da carne seca.

Paulo Bono disse...

Sem falar que quem manja mesmo é o Erasmo.

abraço, ogro.

Cruela Cruel Veneno da Silva disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Da Silva.

Na verdade foi a única vez que chorei com as canções do rei (ok, já chorei bêbada, mas ele nem era em show, era na vitrola véia aqui de casa).

Meu choro tem uma razão muito muito muito particular e se deu em uma música.

Leia o posto http://calcinhasnobox.blogspot.com/2008/07/de-todos-os-abraos-o-que-eu-nunca.html e vai entender.

beijos e esconde isso da dona patroa, preciso dos meus dentes para roer cana.

kkkkkkkkkkkkkkk

Elô disse...

Bah, que ridículo esse episódio do Cartola... acho que o TOC que ele sofre deve ter impedido de cantar a música... vai ver ele acha que não é auspicioso falar sobre rosas, prefere falar de margaridas... hehehe.
Pede pra ele vestir marrom, pra tu ver a respostinha...kkkkk

Da Silva disse...

Não se preocupa não , Cruela. Se naõ der pra roer a cana, a gente faz aguardente e bebe.

bj

Monique Lôbo disse...

Oi Da Silva!!! Olha só quem resolveu aparecer!! hihi!! Sumi, desapareci, mas eu sempre volto! kkk!
E como eu estava com saudades de ler seus textos, como eles me fazem bem, uma verdadeira terapia de gargalhadas!!!! Você é único escreve como ninguem!!!!

Bom, sobre o RC, concordo em número genero e grau!!!!! Pra mim ele já deu o que tinha que dar, e o que não tinha tb! Nunca consegui entender o porque de todo ano ele fazer um show transmitido pela tv se ele todo ano faz o mesmo show e canta as mesmas musicas, não era mais facil pegarem a fita de um show e reprisar todo ano, daria menos trabalho!
Agora tenho que te falar que não pude deixar de imaginar você ao lado de sua sobrinha e de milhares de meninas histéricas no show dos Jonas Brothers! kkkkkkkkk!! Cena que merecia ser registrada!!!!

E para o RC, as rosas só falam quando se usa algumas substancias psicotropicas, fora isso elas ficam mudinhas!

Ogro é muito bom ler seus textos!!

Bjãoo

Aline DIVÃ DA MULHER disse...

Alguém que pensa como eu?rs
Adoooooro!

Eu hein,que homem doido,não vou cantar porque as rosas falam sim..rs..

Não tenho paciência p ele não,e olha que amo música brasileira,MPB,até música brega tipo Fagner eu gosto..rs

Mas tenho que admitir que te umas letras muito boas,mas que prefiro por exemplo ouvir na voz de Marisa Monte!