15 de ago de 2009

Em nome do pai

Saudade das aulas de etiqueta paternas...
*
Eu já estava sentindo falta disso aqui, esse blog é uma cachaça. Evidentemente, foi impossível fazer a habitual postagem do último fim de semana, envolvido que estava com as festividades do Dia dos Pais. Nunca é demais celebrar o sujeito que botou este Ogro no bom caminho a base da disciplina férrea, de muito diálogo e de alguns cascudos, todos merecidos e necessários, reconheço. Sem falar nas valiosas dicas sobre o relacionamento com as mulheres, muitas das quais eu reproduzo aqui. Também não custa lembrar o segredo do perfeito passe de trivela que me rendeu muito sucesso nos campinhos de pelada.
*
A festança em torno do patriarca do clã, o Grão-Ogro, foi no melhor estilo família grande em casa com quintal no subúrbio do Rio: Churrascada, pagode e familiares e amigos acampados o final de semana inteiro. O blog ficou um pouco de lado, mas o motivo foi nobre. Valeu, pai.
*
*****
*
Eu até tive um breve momento em que poderia ter cuidado do meu cafofo virtual. Foi na manhã de sábado, quando uma vizinha passou aqui em casa para trocar umas receitas com a patroa. O problema é que ela veio acompanhada de um aprendiz de delinqüente: o filho de quatro anos de idade.
*
No exato momento, em que me sentei diante do PC, o meliante se aproveitou de uma distração da vizinha e da patroa e já estava manuseando meus CDs, uma das poucas coisas na vida sobre as quais eu tenho um zelo muito parecido com a frescura. Qualquer inspiração para escrever alguma coisa foi-se embora depois que eu vi o pilantra abrindo o meu CD do Nelson Cavaquinho com as mãos cobertas de alguma coisa gordurosa e achocolatada.
*
Tive que ficar vigiando ele até a hora da mãe ir embora. Na saída, o biltre ainda teve tempo de me lançar um olhar ameaçador, no melhor estilo isso não vai ficar assim. Estarei esperando.
*

21 comentários:

Aninha Leme disse...

"meliante" e "biltre" eu adoreiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii
kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
gente, sem dúvida vc teve um pretexto muito digno e eu o desculpo por ter-nos abandonado aqui.
É sempre muito bom ver o seu ponto de visto exposto por aqui sem afetações, sem dramalhões mexicanos porém igualmente sem o tão famigerado machismo.
Por isso gosto tanto desse espaço Ogro.

Com 4 anos de idade será que o biltre ainda tem medo da máscara do pânico???
A sobrinha de meu ex tinha um medo que se borrava só de ver! kkkk

beijos!

Desarranjo Sintético disse...

A foto é o máximo! E realmente valeu a pena deixar o blog de lado...seu pai merece...e os CDs tb! ehehhe!

Abraços!

Fábio.

Dama de Cinzas disse...

Ai ai, gosto de ler seus textos quando fala da sua familia. Tem um cheirinho de domingo e casa cheia, coisa que não existe na minha vida há anos... rs... Quer dizer o domingo existe.. ahahah

Beijocas querido! Tenho uma grande simpatia por vc, parece ser uma pessoa do bem.

Maris Morgenstern disse...

humm, nunca imaginei este ogro com um cuidado a algo que se assemelha a frescura,
é,
vivendo e conhecendo.

Cruela Cruel Veneno da Silva disse...

outro dia uma amiga recebeu uma visita.

acredita que o ebó comeu os botões do controle remoto?

agora vai cagar canal.

Bertonie disse...

Pelo menos cê tem uma desculpa cheia das dignidades pra gente, ao contrário de mim que sumo sem explicações. (Só depois de escrever essa frase eu percebi o quanto a palavra "sumo" é engraçadinha :B)

Desabafando disse...

sempre que tem uma criancinha desse jeito pode reparar que os pais são distraídos, desleixados e se bobear até aprovam as travessuras dos filhos...já vi tipos assim em que os filhos aprontam horrores e os pais são tão descuidados que nem percebem o que está acontecendo...
boa semana!

ah, e obrigada pela visita ao meu blog...será sempre bem vindo lá!

Why Worry disse...

cara, quando um amigo meu levava o filho pequeno em casa, botava o dvd do bob esponja pra ele assistir e rezava pro meliantezinho dormir e deixar a mobília em paz, mas nem sempre dava certo.

Melanie Brown disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
Pobre bebê de 04 aninhos, pow!!!
Me senti na festança de Dia dos pais muito bom!!! :D

Ah!E é muito machista sim!! (rs)

Walew :)

o Cheff disse...

Salve, salve simpatia.
Pensei que tu tava com a tal da gripe do porco meu velho.
Sabe com é, ogro, porco, sei lá...

Motivo mais que justo para te afasteres da blogosfera.

Mαrih ♪ disse...

Ri de você falando do mulekinho e da reunião familiar *_*
Adoro isso aqui, e tava com saudades das teorias de ogro :P
Beijos e aguardo maais textos :*

Maris Morgenstern disse...

oi, hoje tem festa surpresa lá no http://questaodeafinidade.blogspot.com/, não esquece de passar lá marcar presença,
a Bruninha merece.

Aline DIVÃ DA MULHER disse...

Opa..tb sou assim:"não mexa com os meus cds" senão eu te mato..rs

M. disse...

" problema é que ela veio acompanhada de um aprendiz de delinqüente: o filho de quatro anos de idade.
*
No exato momento, em que me sentei diante do PC, o meliante se aproveitou de uma distração da vizinha e da patroa e já estava manuseando meus CDs, "

____________________________________


Simplesmente ganhei a minha noite com esse pots. Juro.

Nunca gargalhei com tanto gosto.

Até desculpo por não me convidar para a super festa. ;)


Bjossssssssssssssss.


Bora detonar o Cruzeiro amanhã. \o/

Mauro Sérgio disse...

As festividades de Dia dos Pais por aqui também foram nesse nível.

Só não foi tão numeroso.


Tem que dar uma enquadrada nesse guri, senão amanhã ele vai ser o quê? um senador? Deus me livre.

[ Dk ] Mateus disse...

hauhauhauhaua... Meu pai tem me salvado muito nesses últimos dias. De formas que eu nunca imaginei! O cara é um gênio imprevisível... ;)

E sobre meliantes-mirins, eu não tenho nada contra eles... não aqui do meu lado... mas em casa tenho uma 12, espingarda, facas, motosserra etc... rsss

Abrax fera!

Quem dançou com ela? disse...

biltre. hahahaha

coleciono revistas de moda(é isso aí, de moda, tenho até da década de 40)rs.
E também tenho um zelo muito parecido com a frescura.

Mas enfim, esse meliante me lembra meus primos aqui em casa, num almoço barulhento de familia grande, tentando invadir meu quarto e mecher nas minhas coisas. Meu quarto é quase um play pra criançinhas. hahah

Demorou pra postar, não demore mais tanto assim!

(:

Sâmia disse...

Tem nada não, rapá. Tu se supera a cada postagem. Isso aqui fica melhor a cada fim de semana. :)
Beijo, camarada.

as viciadas disse...

Que achado teu blog.


E que post!
"Consultório sentimental do Ogro: muito sexo para os principiantes, ou sexo para os muito principiantes"

Quer dar umas dicas lá no nosso blog?
rs.

beijos, viciada L.

Jean Baptiste disse...

Se o moleque tivesse um pai como o seu não tava aí, destruindo a discoteca alheia.

valeu

J@de disse...

Assim como a Dama eu não tenho esses eventos na minha famíla, mas eu acho muito legal festas assim!!
Mas o máximo foi sua tarde com o pestinha!! Criança de 4 anos é foda!!