28 de nov de 2008

Ogro a rigor

Poucas pessoas têm um dom tão especial quanto o meu para se meter em verdadeiras roubadas. Vira e mexe, lá estou em uma situação na qual eu me sinto absolutamente desconfortável, sendo obrigado a sorrir amarelo para pessoas que não gosto ou não conheço e precisando civilizar, na marra, o ogro que eu sou. Como no último sábado, em que fui padrinho de casamento de um amigo.
*
Mesmo quem não me conhece já percebeu, pelos meus escritos, que eu sou o cara mais sem frescura que já surgiu neste mundo. Meu habitat natural é qualquer um em que eu possa estar de bermudas, descalço e, se precisar de camisa, que ela esteja pra fora da calça. Onde eu possa comer com a mão e os pratos sejam simples e fartos, sem nenhum toque de chef francês, na apresentação ou na quantidade.

*
Não que eu não saiba me portar. A mamãe ogra sempre me exigiu bons modos à mesa e ensinou muito bem o uso de todos os talheres, inclusive os de peixe. Eu também não faço feio num smoking, tenho altura e força de ogro e a barriga que eu cultivo com afinco ainda não está no ponto de me fazer passar vexame. Eu apenas não sou chegado em cerimoniais. Nada mais anti-Da Silva, portanto, que um casamento formal, com cerimônia religiosa e festa de gala depois.

*
A última vez em que eu usei um smoking foi no meu casamento, no longínquo ano de 2005. Foi a última vez, aliás, que eu tirei totalmente a barba, que eu usei gel no cabelo, que passei fome em uma festa (qualquer um que já casou sabe que os noivos não têm tempo de comer nada) e que sorri tanto para gente que não gosto e/ou não conheço. Não é a toa que a Igreja frisa tanto que o casamento é um só pra vida inteira. É muita sacanagem passar por isso duas vezes.

*
Felizmente, eu pude me recuperar no domingo, no repouso do meu sacrossanto lar. Queimei uma carne e tomei uma gelada enquanto falava palavrões à vontade, principalmente durante o jogo do Flamengo. O bom ogro à casa torna.
*

3 comentários:

Anne disse...

Obrigada pelo comentario em meu blog.....engraçado teu perfil....éh isso mesmo...ligue o FODA-SE e seja feliz.
Bju gde...volte sempre.
www.pecadoenaoamar.blogspot.com

Mauro Sérgio disse...

Eu também xinguei muito Simon no último jogo. O pior é que agora estão buscando uma imagem de televisão p/ tentar dizer q não foi pênalti.

Jean Baptiste disse...

O lar de um homem é o seu castelo.